Arquiteto Modernista

Paulo Mendes da Rocha

Paulo Archias Mendes da Rocha, nasceu em Vitória, 25 de outubro de 1928. É um arquiteto e urbanista brasileiro. Pertencente à geração de arquitetos modernistas liderada por João Batista Vilanova Artigas. Formado pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Mackenzie em 1954, junto com seus companheiros das outras partes do país, foi responsável pelo desenvolvimento da arquitetura brasileira a partir da década de 60, marcada pela inauguração de Brasília.

Capela de São Pedro Apóstolo

Fonte: http://www.google.com.br/imagens

Capela de São Pedro Apóstolo

Fonte: http://www.google.com.br/imagens

A arquitetura de Paulo Mendes da Rocha costuma ser apontada como um exemplo paradigmático do pensamento estético que caracteriza aquilo que é chamado de Escola Paulista da arquitetura brasileira, uma linha de projeto que foi encabeçada pela figura de João Batista Vilanova Artigas e bastante difundida na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, escola na qual Mendes da Rocha viria a ser professor.

Ginásio do Clube Atlético Paulistano

Fonte: http://www.google.com.br/imagens

Preocupava-se essencialmente com a promoção de uma arquitetura “crua, limpa, clara e socialmente responsável” (de uma certa maneira, influenciada pelos ideais estéticos do Brutalismo europeu), e apresentava soluções formais que supostamente permitiriam a imediata apreensão, por parte dos usuários da arquitetura, dos ideais de economia e síntese espacial expostos em seus elementos formais, dentro de um raciocínio que se convencionou chamar de verdade estrutural da arquitetura.

Estádio Serra Dourada em Goiânia

Fonte: http://www.google.com.br/imagens

Na obra de Paulo Mendes da Rocha vários destes elementos aparecem, reunidos segundo uma clara intenção espacial evidenciada pelas escolhas de projeto arquitetônico. É uma obra em que a influência dos ditos “mestres da Arquitetura Moderna” transparece: a preocupação com uma arquitetura que mesmo sintética e limpa se exprime pelos detalhes construtivos rigorosamente estudados.

Sua obra também é dita por alguns como caracterizada por um “raciocínio de pórticos e planos”. De fato, em vários de seus projetos, a plena configuração espacial se dá através de um rápido jogo estrutural, promovido pelo domínio compositivo de elementos construtivos tradicionais (pilares e vigas, assim como paredes simples e lajes).

A arquitetura proposta por Vilanova Artigas o influenciou desde seu primeiro grande projeto, o ginásio do Clube Atlético Paulistano. Já nessa primeira obra, Paulo projeta usando o concreto armado aparente, grandes espaços abertos, estruturas racionais, entre outros elementos que viriam a caracterizar a “Escola Paulista” supracitada.

Principais Obras do período Moderno:

  • 1957 – Ginásio do Clube Atlético Paulistano, São Paulo.
  • 1969 – Pavilhão brasileiro da Feira Internacional de Osaka, Japão, juntamente com Flávio Motta, Júlio Katinsky e Ruy Ohtake, demolido.
  • 1973 – Estádio Serra Dourada em Goiânia.
  • 1975 – Museu de Arte Contemporânea da USP (com Jorge Wilheim), São Paulo, não construído.
  • 1986 – Museu Brasileiro da Escultura (MUBE), São Paulo.
  • 1987 – Capela de São Pedro Apóstolo, construção anexa ao Palácio Boa Vista, Campos do Jordão.

Museu Brasileiro da Escultura (MUBE), São Paulo

Fonte: http://www.mube.art/arq.br

Museu Brasileiro da Escultura (MUBE), São Paulo

Fonte: http://www.mube.art/arq.br

Museu Brasileiro da Escultura (MUBE), São Paulo

Fonte: http://www.mube.art/arq.br

Museu Brasileiro da Escultura (MUBE), São Paulo

Fonte: http://www.mube.art/arq.br

Museu Brasileiro da Escultura (MUBE), São Paulo

Fonte: http://www.mube.art/arq.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: